︎︎︎ HOME


Mesa-língua

2018

Uma mesa-língua de oito metros que saiu de dentro do CCBB SP, se projetou largamente até a calçada, coberta por alimentos cultivados de maneira complexa e em ambientes de rica biodiversidade, onde o método de cultivo não apenas produz comida, mas regenera a terra. Uma homenagem ao reino vegetal. Conversamos e degustamos ideias para um educativo que se organiza em torno de uma perspectiva metabólica, seja enquanto metáfora de elaboração de conceitos e vivências, seja a partir da própria comida, compartilhada com o público interessado.

A seleção criteriosa desses alimentos foi feita por Jonas Van a partir do Instituto Chão. Tudo orgânico e sazonal. Esses alimentos-mediadores, carregados de complexidade (em oposição aos hipersimplificados da monocultura), foram oferecidos aos presentes e passantes, convidados a comerem e lerem essa informação a partir de suas próprias vísceras. Sim, nossos intestinos também são órgãos de leitura e os educadores presentes ajudaram na condução do processo, operando como enzimas digestivas.

Texto: Sarah Matos

︎︎︎ Link para texto completo 

Mesa-língua foi apresentado em:

Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo, Brasil
1000 Ecologies, Le Commun - Genéve, Switzerland






︎︎︎ Click for more images


Cargo Collective
Frogtown, Los Angeles
o